Reforma da Previdência

O presidente da comissão especial que analisa a reforma da Previdência (PEC 6/19), deputado Marcelo Ramos (PR-AM), disse hoje que falta transparência no debate sobre as mudanças propostas. “Se nós corrigimos as narrativas e formos verdadeiros com a população, ainda que existam algumas incompreensões momentâneas, o tempo vai cuidar de mostrar que nós estamos pensando no futuro do país”, disse após palestrar sobre a reforma na Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Segundo ele, a oposição não diz a verdade ao negar o saldo negativo nas contas públicas provocado pelo desequilíbrio no pagamento das aposentadorias. “É preciso dizer a verdade que a Previdência tem deficit, sim. Não é verdade que a Previdência não tem deficit”, enfatizou.

Mas, na avaliação do deputado, o governo também precisa ser mais claro sobre os objetivos das alterações no sistema previdenciário. “Falta dizer que não é verdade que a reforma é só para combater privilégios, ela é para fazer ajuste fiscal, ela pede sacrifícios de pessoas de renda média e baixa. Mas ela é necessária para gerar empregos para quem não tem renda nenhuma”, ressaltou.

Sobre a articulação para a aprovação do texto, o deputado classificou como “inábil” a atuação do governo no Congresso. “O governo é muito inábil nesse trato com o Congresso. Hoje, o maior inimigo da reforma é o próprio governo.”

Acompanhe o trabalho doMarcelo Ramos

Buscar

Compartilhe os artigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Confira algumas análises

Dê um like no Facebook

Curta no Instagram

  • Me mantenho firme no compromisso de defender os pequenos produtores e agricultores familiares.👨‍🌾👩‍🌾. Meu relatório do PL da Regularização Fundiária tem dispositivos contra a grilagem e para proteção de unidades de conservação e terras indígenas. Pressões não me farão flexibilizar o texto para beneficiar grandes propriedades e invasores de terras.
#MarceloRamos #ODeputadodoAmazonas #Amazonas #PL2633 #RegularizaçãoFundiária
  • O relatório do PL da Regularização Fundiária que produzi tem diversos dispositivos contra a grilagem de terras e para proteção às unidades de conservação, terras indígenas e quilombolas. Setores do governo querem flexibilizar o texto, ampliando para grandes propriedades a titulação via  sensoriamento remoto, e privilegiar invasores na licitação de terras públicas. Não aceitarei pressões para mudanças no meu relatório que exponham a Amazônia a crimes ambientais.
#MarceloRamos #ODeputadoDoAmazonas #Amazonas #RegularizaçãoFundiária #PL2633
  • #MarceloRamos #PL2633 #ODeputadoDoAmazonas
  • Envio a íntegra do relatório sobre o Projeto de Lei da Regularização Fundiária, (PL 2633), que impõe uma série de travas contra a grilagem e proteção às unidades de conservação e terras das populações tradicionais da Amazônia. Votar o PL significa beneficiar mais de 100 mil pequenos agricultores familiares, que poderão ter acesso a políticas de fomento à sua atividade produtiva. 
Entenda como funcionará o PL na matéria que está no meu site. O link está na bio!
#MarceloRamos #ODeputadodoAmazonas #Amazonas #Amazônia #RegularizaçãoFundiária #ZonaRural #Brasil #PL2633 #ProjetodeLei
  • Precisamos reconhecer, apoiar e valorizar o trabalho dos pequenos produtores e da agricultura familiar.
É isso que propomos com o Projeto de Lei 2633/2020.
⠀
Para ler e entender melhor sobre o projeto, acesse o site da Câmara.
⠀
#MarceloRamos #ODeputadodoAmazonas #Amazonas #Amazônia #RegularizaçãoFundiária #ZonaRural #Brasil #PL2633 #ProjetodeLei
  • Seguindo meu compromisso de ouvir todos os setores envolvidos no PL da Regularização Fundiária, debatemos hoje na live do portal Congresso em Foco com a minha colega deputada @perpetua_acre, além do jornalista João Frey e do André Lima, do IDS e da Suely do Observatório do Clima. Discussão de alto nível que nos permite avançar pra encontrar um justo equilíbrio entre os benefícios aos pequenos produtores rurais e conservação ambiental.
#MarceloRamos #ODeputadodoAmazonas #Amazonas #Amazônia #RegularizaçãoFundiária #ZonaRural #Brasil #PL2633 #ProjetodeLei